4 de dezembro de 2008

UM LAR PARA CHAMAR DE NOSSO.



Já falei algumas vezes aqui sobre a casa nova.
E também já disse que não criei esse espaço para falar de mim, nem reclamar de problemas.

MAS PELOAMORDEDEUS, ESTOU FICANDO LOOOOOOOOOUCA!!!



Acontece que a tal reforma, que está sendo feita pelo proprietário, acaba NUNCA.
Os prazos não são cumpridos, e cada vez mais a mudança é adiada.
Ok, não estou no meio da rua, e quem escolheu esse apartamento fui euzinha, então não deveria reclamar. Além do fato de o apartamento ser lindo, ter cara de casa, uma varanda enorme, e mais um monte de coisas bacanas.
Mas acontece que, como vocês bem sabem (e eu também), reforma é assim. Uma coisa leva à outra, e uma simples troca de piso e azulejos vira uma saga.



Não consigo me concentrar em outra coisa.
Fica difícil dormir a noite, já fiz trocentas mudanças imaginárias, minha cabeça decorou e redecorou espaços.


Preciso de paciência e serenidade.
Porque sou assim, uma pessoa ansiosa.
Não que o fato de eu ficar mais uma semana ou duas acampada na casa do maridon vá mudar minha vida.
Mas preciso muito de um lar pra chamar de nosso.
Assim como precisava desabafar sobre isso.
Aguardem cenas dos próximos capítulos.

8 comentários:

Tati.B disse...

Ixi amiga...vamos meditar juntas que eu também estou doidinha!!! Vamos lá...repete comigo...
AUMMMMMMMMMMMMMMMM

Beijos

Nara disse...

Você vai conseguir querida,

Adoro seu blog.
A proposito adorei a placa do inicio tem o nome do meu blog. Depois passa lá.

Um grande Abraço.

Luana disse...

Oi Raquel, reforma é mesmo assim parece que nunca vai acabar!
Mas a ansiedade acaba com a gente né...
Mas tenho certeza que em breve vc vai postar sua decoração na sua nova casinha.
Tenha paciência amiga!!
Bjos

Ana B disse...

Vamos nos descabelar juntas??? Na semana passada, o Carlinhos colocou forro torto na sala, teve que dar uma ajeitada... hj foi na outra saleta... ai, meu Deus... Esse povo enrola tanto e faz tanta barbeiragem que nem sei porque não fazemos nós mesmos. errado por errado... vai de graça. Mas há tempo pra todas as coisas debaixo do sol, tempo de plantar e de colher. só plantar, regar e aguardar... bj e que Deus abençoe.

Fran disse...

Oi Raquel..
É assim msm reforma,e olha que eu já estou me preparando para a do banheiro..
ganhei um livro de meditação semana passada,combinaria com vc, pq eu faço e ajuda mto..
mas passa, e dps que vc se mudar e curtir a casa pronta, nem vai se lembrar das obras..
beijão

Christine disse...

Ahhhh minha querida, quer um consolo ??
Qdo casei tinhamos um apê, pequeno, mas bem legal. Ai veio a filha, um ano depois, um filho, ai começou a ficar pequeno demais. Partimos p compra de uma casa. Grana curta, a casa tinha q ser ajeitada. Bom lá se vão 17 anos de obra, cad ano uma parte. Agora, achei q tava blz, veio a neta, muda tudo de novo. Já falei pro meu perna de calça.. chega de obra !
pára de inventar !!
eu quero viajar nas férias, e não tomar conta de pedreiro..
pronto...desabafei !!
bjs

Isabel Cristina disse...

OI Raquel, nem me fale.. eu já passei por isto, fiquei quase 2 meses com uma cozinha improvisada na sala, enquanto fazia a minha nova cozinha, areia pela casa toda, um caos... mas pense no prazer que vc vai ter quando tiver tudo concluído, vc poder olhar e ver tudo pronto e poder colocar as coisas no lugar. Boa sorte com a reforma e muita paciência... beijos

Raquel disse...

Vamos lá, todas juntas:
AAAAAUUUUUUUMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMM...